Curiosidades

A Máquina Cruzmaltina de Gols

Sem sombra de dúvidas, Ademir Marques de Menezes foi um dos maiores artilheiros a vestir o manto cruzmaltino. Pernambucano, nascido no fim de 1922, o craque começou sua carreira no Sport-PB, e se transferiu para a Colina em 1943, com 21 anos, sendo o primeiro jogador da história a receber luvas pelo contrato.

No Vasco, sua história é gloriosa pelo alto número de gols marcados: são 301 gols em 429 partidas, uma impressionante média de 0,7 gols por jogo, número que supera outros grandes ídolos do clube. Sua história de títulos pelo clube também é grande: foram quatro campeonatos estaduais, um torneio municipal e o Torneio dos Campeões Sul-Americanos de 1948, em quase 13 anos de clube.

Também fez história com a camisa da Seleção Brasileira, que vestiu e honrou na Copa de 1950. Ademir ainda detém o recorde de tentos em uma edição de Copa do Mundo: foram nove na ocasião.

O “Queixada”, como era conhecido por seu queixo protuberante, terminou sua carreira em 1956. Ainda atuou como amador no Sport, e voltou ao Vasco em 1967, mas desta vez como técnico. No entanto, sua principal função depois do futebol foi a de comentarista esportivo.


Fonte: Pensar Vasco
Atualizado em: 10/04/2019 16h59